Rejane Maria Lira da Silva

Telefone: 
(+55)071-3283-6564
Atuação: 

1.Biologia dos Animais Peçonhentos - Serpentes, Aranhas, Escorpiões.

2.Distribuição Geográfica dos Animais Peçonhentos - Serpentes, Aranhas, Escorpiões.

3.Epidemiologia dos Acidentes por Animais Peçonhentos - Serpentes, Aranhas e Escorpiões.

4.Estudo das Atividades Biológicas, Bioquímicas, Enzimáticas e Imunológicas de Aranhas, Serpentes e Escorpiões.

5.Saúde Ambiental.

6.Educação científica e formação de professores.

7.Museologia e Pedagogia Museal.

Perfil: 
Rejâne M. Lira-da-Silva é Bacharel em Ciências Biológicas pela Universidade Federal da Bahia (1990), com Aperfeiçoamento no Natural History Museum, Londres, Inglaterra(1991), no Muséum d´Histoire Naturelle, Paris, França (2015) e University of Adelaide, Austrália (2016); Especialização em Venenos Animais pelo Instituto Butantan, São Paulo, Brasil (1991); Mestrado em Saúde Coletiva pela Universidade Federal da Bahia, Brasil (1996); Doutorado em Ciências Médicas pela Universidade Estadual de Campinas, Brasil (2001); Pós-Doutorado no Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa, Portugal (2007-2008 e 2015); Pós-Doutorado na The University of Melbourne, Austrália (2015-2016), tendo realizado visitas técnicas ao Instituto Pasteur, Benin (2015); Instituto Pasteur, Costa do Marfim (2015); Charles Campbell Toxinology Centre, Papua Nova Guiné (2016); Institulo Clodomiro Picado, Costa Rica (2016); Madras Crocodile Bank Trust and Centre for Herpetology, Índia (2016); e Little Flower Hospital, Índia (2016). É professora associada 4 da UFBA (desde 1992), coordenadora do Núcleo de Ofiologia e Animais Peçonhentos da Bahia (NOAP/UFBA) (desde 1997) e curadora da Coleção Herpetológica do Museu de História Natural da Bahia (MHNBA/UFBA) (desde 2013). É avaliadora de Cursos de Graduação e avaliadora institucional do SINAES/MEC (Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior); ex-coordenadora do PIBID/CAPES de Licenciatura em Ciências Biológicas da UFBA (2010-2014); vice-coordenadora (2010-2012) e coordenadora (2014-2016) da Rede Vital para o Brasil - Rede Nacional de Informação, Diálogo e Cooperação Acerca dos Animais Peçonhentos; editora-chefe da Revista Jovens Cientistas de Divulgação Científica (ISSN 2318-9770); bolsista do CNPq em Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (desde 2014) e voluntária da Organização das Nações Unidas – ONU Internacional (desde 2014).